3 de junho de 2011

>> TELENOVELAS


Imagem/web

Como se não bastasse a violencia, canalhices, praticados contra a mulher, as telenovelas massacram as pessoas com dramaturgias, onde as tramas de maldades são elaboradas dentro da própria família.

Atualmente assistimos uma história de dois irmãos inimigos: um com personalidade distorcida, faz o possível e inimaginável para acabar com a vida do outro.

Pior que essas novelas se tornam tão reais que as pessoas muitas vezes nem saem de casa para assisti-la, discutem sobre o assundo nos locais de trabalho, ou restaurante...

Os autores deveriam pensar em alguma história menos violenta, porque nos horários em que elas são trasmitidas tem apenas uma legenda: "Impróprio para menores de 14 anos". É estúpido esse recado.

É assim que se influencia a mente daqueles menos favorecidos, que muitas vezes não tem os pais suficientemente preparados para orientar e preparar seus filhos para a própria vida.
Ficam vulneráveis diante de estórias fantasiosas, impróprias, e nós
sabemos que podem influenciar na formação da personalidade, e caráter.

Enquanto isso o Ministro da Educação, distribui livros de matemática com cálculos errados as escolas estaduais e municipais, sem falar nas sugestões de homossexualismo em livros ilustrados.
O ministro da educação tem a coragem de dizer que tanto faz ler ou escrever " a casa" ou "as cazas". Disse: O importante é o aluno transmitir o que quer dizer, não importa se está escrevendo corretamente ou não.

Isso é distorcer e jogar no LIXO as origens de nosso idioma, é pegar a Bandeira do Brasil e pisar nela, é diplomar pessoas incapacitadas para o trabalho, e o VOTO ELEITORAL, claro. Isso seria o que a nossa Presidente pretende: acabar ou aumentar os semi-analfabetos e os pobre do nosso país?

Isso reflete a escolha dos cidadãos que elegeram esse ano. Errou de novo.

É um tanto rude a situação educacional, governamental no Brasil.

Acho que o mundo está para acabar...

sonia.
Postar um comentário