29 de março de 2013

PENSANDO POSITIVAMENTE

imagem web
Em casa, no trabalho, nos momentos de lazer ou mesmo quando estiver sozinho, habitue-se a ver a face positiva de cada situação e a encarar os desafios com otimismo> isso certamente deixará qualquer atividade mais fácil de ser enfrentada.

Um exercício simples, mas que é um bom parâmetro para avaliarmos se estamos agindo positivamente, é pensar em quem gostaríamos de ter ao nosso lado nas tarefas do dia a dia, sejam elas atividades boas ou verdadeiros desafios.

As pessoas geralmente tendem a procurar companhias "alto astrais", alegres, divertidas e fugir das negativas. Não queremos ao nosso lado alguém que fique lembrando o tempo todo de nossas falhas e esperando que aconteça o pior. O ideal é estar próximo de pessoa positiva, que encara a vida com boas expectativas> afinal a felicidade não ponto de chegada e sim o caminho percorrido.

Então é melhor transformar o seu caminho focando o que é viver bem> estar realizado e feliz, ou apenas acomodado? 

Existe uma tese de que pessoas felizes não tem um sucesso atrás do outro, assim como as infelizes não vivenciam um fracasso após outro> a diferença está em saber tirar proveito de pequenas vitórias, e não apenas reclamar do que não deu certo.

Valorizar demais o erro, as falhas, ou aquilo que gostaríamos que fosse diferente, não ajuda em nada, apenas torna a caminhada mais pesada.

Saber agarrar-se a cada pontinha de esperança, apreciar as sutilezas e valorizar pequenas vitorias, é sim uma receita para a tão sonhada felicidade.

Vale pontuar que "momentos felizes" não representa "felicidade", apenas é um deslize ao qual podemos qualificar popularmente de "tapar o sol com a peneira".

E jamais devemos agir com as pessoas de maneira como não gostaríamos que agissem com a gente, isso é Bíblico.

sonia. 
Postar um comentário