4 de outubro de 2010

> V I O L E N C I A (todas)

webAs vezes eu fico entediada por abordar o tema violencia, com muita frequencia porém estamos vivenciando-a diariamente.


Esses últimos dias, fomos violentados pelas propagandas eleitorais invadindo nossos lares, justamente no horário que temos disponível para repousar e aliviar a tensão do dia trabalhado.


Esse dia 03/10/2010, então, será inesquecível. O candidado que tem somente a primeira série do ensino primário, foi o que mais votos recebeu dos eleitores, que mais uma vez demonstra IMATURIDADE POLÍTICA.

É pena, que ainda há cidadãos que desperdicem seus votos, quando há ainda algumas excessões, quero dizer de políticos éticamente corretos.


Pior ainda, é voce acordar cedo, e estar disposta a exercer o direito da cidadania e ir votar, confesso que saí de casa até com muita disposição, mas, no retorno cheguei carregando meus CACOS.


Involuntariamente, estive envolvida em uma tempestuosa discussão de transito, que me causou medo, terror, choro convulsivo, e desestabilizou o meu sistema nervoso por completo: tive pico hipertensivo, cefaléia intensa, náuseas, e uma insonia profunda.


Ainda assim, no final da tarde quando me preparava para ir a igreja, e percebi que estava extravazando o horário, fiquei descompensada, porque estive atarefada o domingo todo até aquele horário:quinze horas.


Uma pessoa me disse: "para alguém que está se preparando para ir a Igreja, voce está péssima" - e acrescentou - " Que DEUS tenha pena (ou piedade) de voce"


Parei para pensar: Como posso querer um mundo, vida, dias melhores, se dentro da minha própria casa, desencontros acontecem, e as pessoas sequer procuram saber os momentos que estou vivendo?


Como posso esperar que esse mundo fique um lugar melhor para se viver, se eu mesma presenciei uma cena extremamente constrangedora, e que não havia necessidade de ter acontecido, pior ainda, não quero dizer o que houve para ninguém. Só JESUS sabe o que sente o meu coração.`


Para que o mundo melhore, é preciso mudar as nossas atitudes, direcionar melhor as nossas atenções, ninguém se irrita ou descompensa o humor sem motivo, ou por algum fútil.


Quando as pessoas "normais", aquelas que se acham equilibradas, se comprometerem mais com as outras, pode ser que tudo comece a melhorar.

Pensando: tenho saúde, emprego, inteligencia, pai, mãe, filhos, netos, e até alguem que considero amigo(a), o que eu posso acrescentar mais para oferecer?


Posso oferecer a palavra, a compreensão, o tempo necessário de sentar junto ao outro, e segurando com carinho a sua mão, lhe perguntar: posso ajudar?
conte comigo, o que posso fazer por voce?


É isso, o que eu posso fazer por voce?? TANTAS COISAS QUE NÃO PRECISAM DE DINHEIRO!!!




Postar um comentário