9 de junho de 2013

CUIDADOS PALIATIVOS


imagem web
Desde o ano de 2010 entrou em vigor um novo código de ética médica. 
Atualizou a prática médica para este inicio de século XXI, e entre os 25 princípios fundamentais, o de número XXII introduziu uma importante medida de ética médica,
Vejamos:

Nas situações clínicas irreversíveis e terminais, o médico evitará a realização de procedimentos diagnósticos e terapêuticos desnecessários e propiciará aos pacientes sob a sua atenção todos os cuidados paliativos apropriados.

Trata-se da admissão do princípio da finitude humana.

Se olharmos para o Código de Ética médica anterior, de 1988, entre os 19 princípios elencados - por incrível que pareça - o paciente nunca morre!

Sonia. 
Postar um comentário