3 de novembro de 2009

> Uma mãe cuida de dez filhos


Dez filhos não cuidam de uma mãe, não é regra geral, mas uma grande maioria. Quem cuida de mãe são os menos favorecidos, esses são mais agregados a família.

Hoje, cumprindo uma de minhas obrigações na equipe de enfermagem, saí para uma visita domiciliar, no intento de efetuar a troca de uma sonda vesical, de uma senhora idosa, residente num bairro de classe média. Ela tem dois filhos (homens), um casado que mora com a esposa em apartamento, e outro que veio morar com ela e o falecido marido, porque não aguentava as despesas de pagar pensão a ex-esposa e sustentar a atual, com mais dois filhos(homens).

Daí que para iniciar o drama a esposa já mudou-se avisando que não iria tomar conta de velhos, uma casa grande, espaçosa, bonita mesmo. O marido da senhorinha faleceu há seis anos, e a pobre mulher tendo passado por tratamento de radioterapia uterina, perdeu as funções urinárias. Passou a usar a tal sonda vesical, um verdadeiro castido, um horror, incomoda demais.

Foi colocada num quarto bem no fundo da casa, longe da sala de visitas, jantar, e cozinha, tendo acesso a um banneiro comum da casa, e seu quarto é composto de cama, cômoda, filtro de água, e só.

Essa "boníssima" nora, faz almoço e jantar para ela, marido e filhos, não dá em hipótese nenhuma um prato de comida a sogra. Esta tem que comprar marmitex todos os dias, inclusive sábados e domingos, comendo parte no almoço e o resto no jantar.

Não tem direito de sentar-se a mesa para tomar café da manhã, e chora muito quanto sente o cheiro bom de comida fresquinha, bolos, e doces, que não são lhe oferecidos.

Eu que já vi de tudo nessa profissão, fiquei novamente pasma, triste, com a situação da idosa, e senti vontade de perguntar aquela "onça" da nora dela: "Voce acha que sempre será jovem, bonita, e saudável?"

Gente, as pessoas não respeitam mais os pais, os idosos, isso é crime! Estou desolada!
Postar um comentário