7 de janeiro de 2011

> HEPATITES VIRAIS

web
Nesse texto estarei resumindo algumas informações a respeito das Hepatites, que estão contidas em um pequeno livro do Ministério da Saúde. Vamos lá:

HEPATITE A
é doença aguda causada pela infecção com o virus da hepatite A. As formas existentes são: agudas e fulminantes. A hepatite A não cronifica ( ou seja, o paciente é portador, trata, e cura, quando detectada a tempo).

O virus da hepatite A é um virus de RNA e pertence a família dos Picornavirus.
Transmissão: Fecal-Oral, por contato inter-humano ou por meio de água e/ou alimentos contaminados pelo virus.

Evolução: Na maioria dos casos, é uma doença autolimitada e benigna, sendo que a insuficiência hepática aguda grave ocorre em menos de 1% dos casos, sendo esse percentual aos portadores acima de 65 anos.

Como voce pode fazer o dignóstico: através de exames de sorologia sanguínea: Anti-HAV total IgM/IgG. O exame de IgM positivo indica que o indíviduo está em fase aguda, e IgG, significa que já teve contato com o virus.

HEPATITE B: O virus dessa hepatite é da família Hepdnaviridae, e é constituído por DNA de fita dupla.

TRANSMISSÃO: A principal via de transmissão é a SEXUAL, seguida da vertical ( de mãe p/ filhos): dá-se pelo contato com sangue, pelas vias parenteral e percutânea, e fluidos corporais.

Evolução: A forma ictérica da doença ocorre em 30% dos indivíduos infectados.
Infecção Aguda: cerca de 1% em menores de um ano; 10% entre 5 anos, e 30% nos casos de infecção tardia.
Infecção crônica: (persistencia do virus por mais de 6 meses), o principal determinante da cronificação é a idade na qual ocorre a infecção pelo virus.
- adultos: 5 a 10% / entre 1 a 5 anos: 20 a 25% / recém-nascidos de gestantes portadoras do virus.
Recém nascidos:
- Com evidencias de replicação viral: 70 a 90%
- Sem evidencias de replicação viral: 10 a 40%

Os exames para detecção do virus são: HBsAG, Anti-HBc Total - Esses exames são solicitados pelo MEDICO, na suspeita de infecção pelo virus.

HBsRG e Anti-HBc Total: são marcadores sorológicos na fase aguda, em torno de 4 semanas após exposição ao virus, declinando a níveis indectáveis em até 24 semanas. O segundo, é uma triagem para Hepatite B, por detectar tanto o anticorpo IgG quanto o IgM.

E o Anti-HBc total, determina a presença de anticorpos em ambas as classes.

Alerta: As mulheres que costumam ir a manicure é aconselhável levar seus próprios objetos de uso pessoal: alicates, lixas de unha e pés. Qualquer ferimento por menor que seja, se o material estiver contaminado com o virus de outra cliente, voce está sujeita a desenvolver a doença.

A maioria dos salões de beleza possuem um estirilizador que não é eficiente, no caso refiro-me a uma pequena ESTUFA com gavetas. Normalmente o instrumento é colocado lá sem lavagem, fica por pouco tempo, e quando retirado é colocado em água fria para agilizar o atendimento.

Cuidado e observe. Existe no mercado pequenas AUTO CLAVES, que são eficientes, porém, muito caras, e os proprietários dos salões não querem gastar dinheiro com isso; infelizmente é um tremendo desrespeito a população, mas acontece.

No próximo texto estarei comentando sobre a Hepatite C




Postar um comentário