19 de setembro de 2010

> O PROFETA

webhttp://profeciaeterna.blogspot.com/

Sonhei
Com mares, com uma longa travessia
Desfraldei uma vela alva
Naveguei na chegada, na partida morria

Sonhei que era um cavaleiro andante
Por dias de inquietante perdura
Avistei um vagabundo num espelho de água
Era a minha alma talhada em pedra fria e dura
Para voce meu amigo(a) que chegou nessa página, clica no link e veja a maravilha de versos que compõe essas palavras acima.
Beijos, muito obrigada
Postar um comentário